O Cheiro da Alcatifa Faz​-​te Dores de Cabeça (são as alergias) EP

by Moxila

/
  • Streaming + Download

    Includes high-quality download in MP3, FLAC and more. Paying supporters also get unlimited streaming via the free Bandcamp app.

      name your price

     

1.
2.
3.
4.
5.
6.

credits

released February 9, 2016

Músicas escritas e gravadas por Moxila;
As flautas em Bromley 2015, o resto (voz e cavaquinho) em Braga 2016.

Convidados gravados no Porto e em Braga 2016.

Agradecimentos para as manas Estrela e para os manos Frederico e Gastão.

tags

license

all rights reserved
Track Name: Bromley - Londres (2015)
ficas no quarto… não te importa…
não…
não saias de casa
não saias…
não saias de casa
não saias de casa

tanta coisa para ver
que ainda não foi visto
a net abre o mapa
enquanto eu me visto

a ir a pé pó comboio
poupo no autocarro
mudo três vezes de metro
mas ainda acho caro

e o que é foste fazer…

ninguém te quis conhecer...

até falaram contigo
mas não fizeste um amigo
por isso não saias de casa
até chegares a casa

se fores de autocarro
custa só 3 libras
daqui a duas horas e meia
já estás a ver as vistas

ler no autocarro enjoa
e o tempo não voa
então não saias de casa
até chegares a casa

(já não te vejo do outro lado do rio)

olha que as raposas
só saem no escuro
depois acaba o metro
e deixa de ser seguro

e então o relógio mostra:
"já não carregas a ôstra"
por isso não saias de casa
até chegares a casa

tanta coisa para ver
mas o que não foi visto
vai ficar por ver
que já tou farta disto
Track Name: O Mito do Gato às Riscas (confissões duma agnóstica teísta que não sabe do ídolo)
a cantar... a cantar...
sou eu a chamar-te pra juntar
o que é leve ao escuro
é no fim que te procuro

há tanto tempo a fazer
mas não ganhas-te a corrida
estiveste sempre comigo
mas não te levo comida


E já vais tarde
para escreveres o teu nome na minha testa
mas o que eu não sei
e o que não vou saber é o que me resta

mas gosto de ti
como é suposto
dizem que os que não crêem não têm desgosto
mas ele conhecem-te
e isso eu sei
sem saber o teu nome gostam também

perdi-lhe o rasto
perdi o gato pintado naquela gruta
tudo que eu ouço
e o que eu vejo segue pela mesma rua
se eu não te encontro
quando for feriado não faço festa
mas o que eu não sei
e o que não vou encontrar é o que me resta


és um deus da morte
como são os outros
já lá vai o tempo
e que lidavam connosco

só cumprem as promessas
depois de estares na cova
mas nem é tudo mau
senão cumpre também não cobra

já o gato dos chinelos
é o melhor de todos
como não lhe devo nada
não me manda pró fornos

diz o gato às riscas
"Mariana, vem pra casa!
Eu não te exijo nada."
eu hei de ir um dia
seja qual for a fantasia


é o fim, é o fim, é o fim de nós
quando chegares ao fim vais querer voltar para trás

e será, e será que é o fim de tudo
que acontece ao gato quando não houver futuro
Track Name: Alcatifa Cinzenta
Se eu não faço nada
dirias que nada muda
mas sempre perco o pó
que ganha a alcatifa suja
não muda do mal pró bem
nem muda do bem pró mal
mas são histórias também
aquelas que não tem moral

desde que caíste na minha alcatifa
estás a perder para a minha preguiça
ela ficou-se pela internet
eu não trabalho, não faço frete

no cinzento é tudo igual
fico bem se não estiveres mal
tão bonito que é o feio da vida
esteve contigo, fez-te companhia
pró cinzento é tudo igual
ficas bem se não estiveres mal

fica no chão a borracha
também não é desgraça
Track Name: Moxila sou eu agora, Mariana sou eu no passado, e no futuro (canção determinista do trabalho)
não deixas-te o prato de fora
o que é que vais almoçar agora
vais ter de comer pão torrado
vai lá ver se ainda há gelado

se és livre ou não, isso pouco importa
sabes que até às 12 já não abres a porta
o que fazes lá dentro sabes tu agora
não queiras saber também o que fazes cá fora

se estás feliz enquanto vais a caminho,
é porque por momentos esqueceste o destino
não é o fazer nem o estar ocupada
é o que te mantém lá dentro que te poen chateada


mas sabes que se faltar a sorte
vem tarde para estragar a vida
por isso enquanto esperam a morte
tu vai buscar comida


(mas sabes que se faltar a sorte
vem tarde para estragar a vida
por isso enquanto esperam a morte
tu vai buscar comida)

o frio na orelhas, poen-te na cabeça, mais um cachecol
e quando saíres às 8 ainda acabou de nascer o sol

nos dias de chuva tu sentes falta do teu chapéu
mas um dia voltas e vais buscar o que não é teu

volta pra Islândia, faz as pazes com Edimburgo
mas se voltares a Londres, tu toma conta do teu orgulho
Track Name: Auchi Auchi (ft Portalápiz e os Putos Borbotos)
sento a ver o tempo que passa
e o papel faz-me alergias
mas quando saio de casa
fico lá fora três dias

apanho o comboio
sem saber onde é que fico
se não correr não caio
só o que é fácil eu explico
ouve bem o que eu te digo
só o que é fácil eu explico

ando mas são as ruas que passam por mim
repetindo o que me disseram a semana passada
no quintal do vizinho não há saída pró jardim
então repete-se o loop a cada terceira passada

eu pergunto-lhes o que é preciso
"Quantas vezes compro pão
para saber o que é bonito?" (Ah?)
elas respondem com um grito:

"Oh Mariana, que parvoíce!"

mas será que não ouviram o que eu disse?
Ya, tudo bem, eu repito
só o que é fácil eu explico

das caudas dos esquilos,
viver sem almofada,
batatas aos quilos,
da ostra, estou farta
se eu te disser que o pato é o mais bonito
não sabes tudo, mas ficou tudo dito
Christopher Pato é o mais bonito
eu não sei tudo, mas ficou tudo dito

lá em cima não tive ocasião
de vos pintar a cara
mesmo não indo para a prisão
a multa ainda fica cara
eu cá já fiz umas quantas
e ainda vou fazer mais
mas a Joana levou as latas
para casa dos pais

e as caras triste não se vão ficar pelo norte
que depois de tanta espera, não voltei a portugal
para ver crescer o musgo com o sr. da boa morte
abaixo das escada na esquina do fujacal

ainda te lembras do sítio onde se chateavam comigo
por insistir em usar palavras como feio e bonito
hoje preciso de voltar ao bonito e ao feio
que tudo que eu aprendi, aprendi-o no recreio
e o gato que gosta de tudo, gosta do feio e do esquisito
e eu mesmo sem saber tudo sei que ficou tudo dito

cinzento no chão
dá crostas na mão
os freegans são sapos
guardanapos usados
se eu te disser que o pato é o mais bonito
não sabes tudo, mas ficou tudo dito
Christopher Pato é o mais bonito
eu não sei tudo, mas ficou tudo dito